Rua Natal, 379, Centro - Piên, PR

Influenciadores digitais para empresas!

Com certeza, todos confiam mais em quem está próximo. E os meios digitais têm sido um grande divisor de águas nessa questão. Pois, aproximam relativamente às pessoas que estão longe e que talvez nunca chegariam a se conhecer. Nessa hora, surge a importância dos influenciadores nos dias atuais.

Exemplo de influenciadora digital divulgando a empresa

Com a ajuda deles, foi ampliado o alcance da divulgação, que afeta definitivamente as decisões de consumo dos seguidores. Esse marketing de influência oferece possibilidades interessantes para as empresas, que têm a oportunidade de impulsionar seus resultados, gerar Leads e até mesmo vendas.

O que é Marketing de Influência

Essa estratégia consiste em engajar pessoas nas mídias, que sejam referência na respectiva área, para compartilhar experiências e mensagens com seus respectivos públicos, influenciando diretamente nas decisões de compra de suas audiências.

A sua única diferença para uma propaganda da qual já estamos acostumados é justamente a identificação e empatia do público com o influenciador. Como já dito, é uma questão de confiança e proximidade. 

Como usar influenciadores na empresa?

Se você acha interessante e não tem ideia de por onde começar, hoje há plataformas especializadas em facilitar esse relacionamento de empresas/influenciadores, um bom exemplo é a Squid. Para isso:

Defina o objetivo da ação

Essa é a primeira etapa. Antes de começar, é preciso ter claro o objetivo da ação. E para isso, você precisa estudar sua Persona. Seus objetivos podem ser: 

  • Gerar reconhecimento para a marca;
  • Gerar Leads para serem trabalhados no Marketing;
  • Aumentar a presença digital da empresa;
  • Vender X unidades do produto no e-commerce.

E a partir daí, você pode definir os meios de divulgação que o influenciador vai usar (blogs, redes sociais, YouTube, etc.), para entrar em contato com os possíveis clientes e como encaixá-los na jornada de compra.

Que tipo de influencer usar

Para escolher a pessoa certa, você precisa mapear os influenciadores do seu segmento, quem são as pessoas que fazem a cabeça dos seus consumidores, queria você contratá-los ou não.

Embora outros influencers famosos, mas que não tem nada a ver com a sua empresa, tenham alcance bem maior que esses, os influencers de nicho tem seguidores que se interessam pela sua marca. Ou seja, se a sua marca tiver a ver com o assunto e o influenciador, pode haver um resultado bem mais efetivo.

Esse mercado de influenciadores costuma usar uma classificação. Para isso existem critérios a serem seguidos, são eles: alcance, ressonância e relevância. As categorias são as seguintes:

1. Top celeb

As celebridades que todo mundo conhece, porém, não têm uma conexão direta com as marca. São boas para gerar reconhecimento, mas não para vender mais.

2. Fit celeb

É a celebridade que todo mundo conhece e, ainda tem conexão com o seu mercado. Porém, essa pessoa vai exigir um investimento mais alto, mas não se preocupe, o retorno tende a ser equivalente.

3. Autoridade

Esse influenciador sabe muito sobre o que fala, por isso, detém forte ressonância sobre a comunidade  de seguidores e fãs. 

4. Trendsetter

Significa uma pessoa reconhecida como líder e super conectado, que pode ajudar a posicionar a marca.

5. Jornalista

O trabalho com jornalistas é valioso, principalmente pelo alcance de publicações em que escrevem, falam ou aparecem.

6. Público interno

Os funcionários das empresas costumam ser os maiores especialistas nos produtos ou serviços. Coloque-os para gerar engajamento nas redes sociais.

Tipos de estratégias com influenciadores

Uma das maiores dúvidas entre as empresas é se, ao contratar um influencer, a sua empresa será representada por ele para sempre. Mas tudo isso só vai depender da estratégia que você propor e contratar. Temos abaixo os três tipos de estratégias de Marketing de Influência mais comuns:

  • Ativação: são pontuais, como um vídeo que registre a presença de uma celebridade em um evento da marca;
  • Campanha: nesse caso, são algumas ações durante um período de tempo específico com um objetivo final;
  • Embaixadores: aí sim, a ideia é que seja um relacionamento eterno enquanto dure.

Gostou das dicas? Nosso blog está recheado delas! Visite nossas outras matérias e aprenda a melhor maneira de vender e divulgar sua empresa no mercado!

Posts relacionados

Leave a comment

VENDEMOS
RESULTADO + TRANSFORMAÇÃO